by

Pastor Caio Fábio Condenado a Prisão – Dossiê Cayman

Não teve jeito mesmo, apesar de todas as negativas do Pastor Caio Fábio ele acaba de ser condenado pela Justiça Eleitoral a quatro anos de prisão pelo seu envolvimento no “dossiê Cayman”, que veio à tona durante as eleições presidenciais de 1998 numa tentativa de incriminação dos principais nomes do PSDB.

Dossiê Cayman

O Dossiê Cayman foi um documento criado com o objetivo de atribuir crimes supostamente inexistentes a políticos e candidatos do PSDB nas eleições brasileiras de 1998[3]. O dossiê atribuía a prática de elisão fiscal aos tucanos Fernando Henrique Cardoso (que se candidatava à reeleição para presidente), Mário Covas (reeleição para governador de São Paulo), José Serra e Sérgio Motta.

Envolvimento de Caio Fábio no Dossiê

Caio Fábio D’Araújo Filho, na época, um grande líder de prestígio em face ao mundo secular e cristão, foi acusado pela Polícia Federal de ser o principal intermediador do esquema. Processado por calúnia pelo Presidente Fernando Henrique Cardoso, o pastor só se viu livre das acusações em 2005, inocentado pelo depoimento de Eduardo Jorge, ex-secretário de governo de FHC.

Caio Fábio D’araujo Filho revelou recentemente (ver www.caiofabio.com) numa entrevista “Caio Fábio Conta Tudo”, que teve conhecimento do tal Dossiê pela ex-senadora Benedita da Silva e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Eles foram quem incentivaram o então reverendo da Igreja Presbiteriana a tentar negociar uma cópia do documento forjado para tentar vencer as eleições de 1998, prejudicando o PSDB, e principalmente seu candidato à presidencia, Fernando Henrique Cardoso.

Investigação

A investigação do dossiê Cayman contou com a participação da polícia federal norte-americana, o FBI. Até agora, o único condenado foi o Pastor Caio Fábio, que é acusado de ser o mentor do dossiê. Como os documentos foram considerados falsos pela Justiça, Caio foi condenado por crime de calúnia, com o agravante de ter envolvido o nome do Presidente da República à época, Fernando Henrique Cardoso.

Em sua versão, Caio Fábio nega que tenha elaborado o dossiê. A Juíza Léa Maria Barreiros Duarte afirmou na sentença, que o Pastor preparou todo o dossiê em Miami, com um grupo de empresários, na tentativa de vender as falsas denúncias aos adversários do PSDB.

Na matéria divulgada pela Folha hoje, há a informação de que no inquérito, foram colhidos os depoimentos de políticos como José Dirceu, Marta Suplicy, Benedita da Silva, Ciro Gomes, Paulo Maluf, Leonel Brizola, além do ex-ministro Márcio Thomaz Bastos e do ex-presidente Lula.

Em seu depoimento, o ex-presidente Lula admitiu ter tido encontros com o Pastor Caio Fábio, para tratar do assunto. Á época, Lula solicitou que Márcio Thomas Bastos, seu advogado na ocasião, checasse os dados nos documentos, e ao constatar serem falsos, descartou a compra do dossiê.

Na época, o caso foi denunciado também pelo jornal Folha de S. Paulo, e trazia informações detalhadas sobre as acusações, que mencionavam depósitos de 368 milhões de dólares em contas ligadas aos políticos do PSDB. Esse dinheiro, supostamente seriam propinas recebidas através do processo de privatização do sistema de telecomunicações brasileiro.

Os principais acusados de corrupção no dossiê eram o então Governador de São Paulo, Mário Covas, o Presidente da República, FHC, o então ministro das Telecomunicações, Sérgio Motta, além de José Serra, que estava licenciado de seu cargo de Senador para ocupar a cadeira de Ministro da Saúde.

“Nunca vou mudar minha versão. Não tenho nada mais a falar do caso”. Com essa afirmação, Caio Fábio negou novamente o envolvimento no caso, garantindo estar tranquilo a respeito da condenação: “Tenho a consciência absolutamente tranquila. Não estou nem um pouco preocupado com isso”. Seu advogado, Edi Varela, entrou com recurso contra a condenação.

Caio Fábio e o Sucesso

Durante os anos 80, Caio Fábio foi um preletor requisitado, participando de congressos evangélicos, com o Congresso Ibero-Americano de Missões em 1986, Congresso de Evangelismo na União Soviética em 1990, no 1º Congresso Nacional da AEVB (no livro A Igreja Evangélica na Virada do Milênio, contém as palestras proferidas naquele congresso) entre outros.

Na época, foram 30 livros e 76 conferências publicados, que na qual venderam 5 milhões de exemplares, que doava 90% dos direitos autorais para organização não-governamental VINDE. Em 1994, em gesto polêmico, passou a embolsar a totalidade do dinheiro ganho em livros e conferências. Em declaração à revista Veja em 1999, justificou: “Meus filhos estavam crescendo e tinham novas necessidades.

No início dos anos 90, passou a ser respeitado por autoridades, intelectuais e artistas brasileiros. Entre eles estavam o teólogo Leonardo Boff, o político Anthony Garotinho, o humorista Chico Anysio, o escritor Paulo Coelho; líderes políticos de esquerda Lula (presidente de honra do PT) e Leonel Brizola (presidente do PDT) e o ex-governador Ciro Gomes.

6 Comentários


  1. // Responder

    A vida de um homem consagrado ao Ministério Evangélico deve ser cercada de cuidados. Claro que a prática política não deve ser descartada de sua existência, contudo, ao tratar de envolvimentos, seja para ajudar ou participar diretamente de qualquer processo, quer eleitoral ou meramente ideológico precisa está sedimentado na ética cristã, antes mesmo da ética secular. O nosso caminho é o da verdade, pois ela é libertadora. Na vida secular a base é “os fins justificam os meios” no evangelho é “Amai ao próximo como a ti mesmo” Devo dizer que respeito a trajetória do respeitável Reverendo Caio Fábio e creio ser ele um homem de Deus orarei para que sua vida seja santificada para honra e glória do nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. Que a paz seja com todos.


    1. //

      OLA irmão Diogo Silva Cavalcanti, Paz seja contigo ! conheci esse varão valoroso no inicio dos anos 80 e vi e o ouvi pregar seu testemunho de conversão na ABI na igreja maranata do pastor Paulo Brito. Era eu um bebezinho na fé e fiquei impressionadissimo com seu testemunho eloquente, e muito me edificou. E mesmo depois do acidente de percurso que ele sofreu, como davi sofreu e, como qualquer servo de Deus está sujeito a sofrer, eu ainda tenho uma paixão pela sua alma, embora exista ainda um choro no âmago das profundezas do meu ser, uma dor secreta, pelas perdas que ele teve que só na eternidade saberemos quais foram,mas nunca perdi o respeito pela sua pessoa, como homem de Deus. Creio que Deus o perdoou !! um grande abraço amigo e irmão Diogo, te amo !


  2. // Responder

    CARO EM CRISTO NOS DO JCVV QUEREMOS AGRADECER COMO SEMPRE PELOS BONS ARTIGOS DIANTE DESTES FALSOS PROFETAS E BEM SABEMOS O PORQUE DESTA CONDENAÇÃO ABSURDA MAS CREMOS PIAMENTE QUE OS MESMO QUE DECAPTARAM AO IRMAO PAULO SAO OS MESMOS QUE AGORA ESTAO TENTANDO TE APRISIONAR ESTAS SOCIEDADES SECRETAS MALDITAS SE O IRMAO FOI MAÇON NAO MAIS NOS IMPORTA E BEM SABEMOS SE ESTIVESSE LA NAO ESTARIA PASSANDO POR TAL SITUAÇÃO MAS VALE UM PRISIONEIRO PRESO POR CRISTO DO QUE UM MAÇON CATIVO POR SATANAS NA MAÇOANRIA UM FORTE ABRAÇO AMADO IRMAO


  3. // Responder

    O SALARIO DO PECADO É A MORTE, QUANDO VC TEM UM CHAMADO POR DEUS E DESVIA A MISSAO QUE O SENHOR TE DEU, VC RECEBE O SALARIO, MORTE ESPIRITUAL, MORTE PESSOAL, MORTE DE CARATER, E SUA VIDA ACABA CADA VEZ MAS SE AFUNDANDO NO ABISMO E NO LAÇO QUE O INIMIGO PREPAROU, MAIS COMO NOSSO DEUS É MISSERICORDIOSO, AQUELES QUE SE ARREPENDEM DE TODO CORAÇAO O SENHOR DEUS CRIADOR DOS CEUS E DA TERRA CRIADOR DE TODO O UNIVERSO, ELE É FIEL E JUSTO PARA PERDOAR . MEU AMIGO E IRMÃO CAIO SE ARREPENDA EM QUANTO É TEMPO VOLTE AO PRIMEIRO AMOR QUANDO VC DEIXAVA O ESPIRITO SANTO DE DEUS TE USAR, SE ARREPENDA DIANTE DE DEUS POIS ELE É FIEL PARA PERDOAR. DEUS TE ABENÇOE


    1. //

      O AMADO IRMAO CAIU EM DESGRAÇA QUANDO SE INGRESSOU NA MAÇONARIA MAS HOJE POR DEIXA-LA ELE ESTA PAGANDO O PREÇO MAS É COMO EU DIGO PREFIRO SER UM MORTO VALENTE DO QUE UM VIVO COVARDE RENEGADO E INUTIL IRMAO CAIO É PREFEREIVEL SER UM PRESO POR TER DEIXADO ESTA MALDIÇÃO QUE NAO TEM OUTRA IGUAL DO QUE SERVIR DOIS SENHORES VAI NA CELICA PAZ IRMAO CAIO
      EZEQUIEL 8 ____ VISTE FILHO DO HOMEM QUE NAO HA OUTRA MALDIÇÃO ABOMINAÇÃO COMO ESTA E QUE ESTA DENTRO DO LUGAR ONDE ELES DISSERAM QUE SERIA MINHA CASA


  4. // Responder

    Sim.
    que o amor de Deus, que excede todas as coisas,possam te alcançar,que possas sofrer,por amor a Cristo,se, por teus momentos difíceis,terás de sofrer,sofra por Jesus Cristo, quem sabe se não foi para este tempo que estais passando por isso, estarei te ajudando com oração, para atravessares, estas provas.
    SOMOS UM.

Deixe uma resposta